Cooperação brasileira oferece 1.500 livros à Biblioteca Nacional de Cabo Verde

22 de agosto de 2022

A+ A-

A Agência de Cooperação Brasileira, através da Fundação Joaquim Nabuco, ofereceu à Biblioteca Nacional 1.500 livros que integram a coleção "Travesias se ler no mundo", e o acervo vai ser distribuído por várias escolas secundárias e do ensino básico do país.

O governador brasileiro, através da sua embaixada na cidade da Praia, procedeu hoje à entrega dos livros à Biblioteca Nacional de Cabo Verde, na presença do Ministro da Cultura e das Indústrias Criativas. 

Abraão Vicente disse, na altura, acreditar que a oferta, pelo seu volume e pelos conteúdos de leitura, vai contribuir para o “relançamento e o reforço” do Plano Nacional de Leitura, um instrumento desenvolvido há algum tempo pelo Governo para incentivar os cabo-verdianos a lerem, mas que até agora não tinha sido devidamente implementado.

Esta do, feita à Biblioteca Nacional através da Fundação Joaquim Nabuco, consta de 1500 livros abarcando mais de 100 títulos, segundo indicado o embaixador do Brasil em Cabo Verde, Colbert Soares Pinto, que indicou tratar-se de obras editadas pela chancela Massangana, pertencentes à aludida fundação.