Observatório Cidadania Ativa homenageia mulheres

16 de março de 2021

A+ A-

No dia em que completa dois anos de existência, o Observatório Cidadania Ativa homenageia catorze mulheres, residente no país e na diáspora, que se destacam em setores sociais; jornalismo, saúde, proteção e solidariedade social, cultura e desporto. Um ato de distinção presidido pelo mais alto magistrado da nação, Jorge Carlos Fonseca que carateriza o gesto do Observatório como um reconhecimento público devido à essas cidadãs que espelham o altruísmo do povo destas ilhas.

Por entender que mais cidadania significa mais conhecimento e maior liberdade, o Presidente da República, saúde a criação do Observatório Cidadania Ativa enquanto parte de uma rede de instituições de iniciativa da sociedade civil necessárias à defesa da democracia.
No desbravar de caminho nesse dois anos da sua existência, o Observatório Cidadania Ativa não tem dúvidas da importância do resgate de valores cívicos que sempre serviram de esteira ao desenvolvimento do país.

Uma sugestão deixada em nome da cidadania enquanto meio de promoção de uma sociedade mais justa, solidária, comprometida com os direitos humanos e a democracia, sublinha o Presidente do Observatório Cidadania Ativa. 



Artigos Relacionados