Primeiro-ministro acredita que Cabo Verde pode receber turistas a partir de setembro

30 de abril de 2021

Santa Maria, ilha do Sal [foto Décio Barros]
A+ A-

O Primeiro-ministro, Ulisses Correia e Silva, acredita que o país estará em condições de receber turistas a partir do mês de setembro, caso se consiga estancar o aumento de casos da Covid-19.

O Chefe do Executivo garante que mais doses de vacina irão chegar ao país nos próximos dias e adianta que já há iniciativas de operadores turísticos que querem investir em vacinas para imunizar as populações do Sal e Boa Vista.

Não obstante o aumento do número de casos da Covid-19 em Cabo Verde, o Primeiro-ministro acredita que a retoma do turismo possa acontecer a partir do mês de Setembro desde que todos cumpram com as regras sanitárias.

Ulisses Correia e Silva considera que a vacinação está a decorrer a um bom ritmo, garante a chegada de mais doses ao país brevemente e diz que estão em curso iniciativas privadas para as ilhas do Sal e Boa Vista.

O Chefe do Governo diz que o país ainda está com capacidade de resposta, mas é preciso estancar-se rapidamente o nível de transmissão do vírus para garantir que não haja colapso do sistema de saúde.

Oiça, em baixo, a notícia com as declarações do Primeiro-ministro, Ulisses Correia e Silva