MpD congratula-se com o arranque do ano letivo em normalidade, apesar da pandemia

10 de setembro de 2021

Filomena Delgado, Secretária Geral do MPD
A+ A-

MPD congratula-se com as condições criadas para a o arranque do ano letivo 2021-22 no cenário da normalidade não obstante ainda estarmos em, pandemia. A Secretária Geral do partido destaca o plano de contingência criado para mitigar os efeitos da pandemia nas escolas, a vacinação da comunidade educativa, as intervençoes feitas a nível das infraestruturas e da atualização da carreira da classe docente, para exortar o Governo a prosseguir com medidas que permitam alcançar a educação de excelência que todos almejam.

O Governo estipulou no seu programa da 8ª Legislatura que a educação e a formação de excelência dos cabo-verdianos devem contribuir pra melhorar a competitividade, produtividade e o desenvolvimento sustentável de Cabo Verde. Por isso ao criar as condições para que o ano letivo 2021 - 22 arranque no cenário da normalidade, não obstante a pandemia que ainda assola o país e o mundo, demonstra, para o MPD, o comprometimento do Executivo para com a retoma da economia e do sistema educativo, muito condicionado desde o início da pandemia da covid-19. A Secretária Geral do partido destaca assim as medidas adoptadas para que este arranque se faça na normalidade.

Ter professores motivados e com os seus direitos respeitados também é fundamental para um bom andamento dos sistema. Filomena Delgado realça assim os feitos do executivo neste aspeto.

Delgado destaca ainda a contratação de 220 novos professores, a efetivação da mobilidade e transferência de docentes, a reabilitação de mais de 3 dezenas de escolas em vários concelhos, bem como as reformas empreendidas nalguns subsistemas e disponibilização de manuais escolares, como
condições indispensáveis para um arranque do ano letivo sem atropelos e para que o país atinja a educação de excelência que todos almejam.



Artigos Relacionados